4 dicas sobre como montar o seu primeiro escritório de advocacia

Tempo de leitura: 3 minutos

Quando um advogado recém-formado sai da Faculdade de Direito, geralmente, há muitas dúvidas sobre qual caminho da carreira jurídica irá trilhar. Uma das alternativas é tentar a carreira autônoma. Seguir algumas dicas é um bom começo para quem pretende montar seu primeiro escritório de advocacia.

A competitiva carreira jurídica exige outros atributos dos advogados que optam por construir um caminho autônomo. Há outros aspectos que precisam de atenção, fora aqueles ligados ao Direito. Saber um pouco de marketing, marketing jurídico, estratégias, captação de clientes, código de ética, ferramentas de gestão fazem parte desse caminho na carreira.

Continue acompanhando nosso artigo para saber mais 5 dicas de como abrir seu primeiro escritório de advocacia e obter sucesso na carreira.

1 – Faça um plano de negócios

Plano de negócios é um documento que contém os objetivos de uma empresa. Achou essa dica muito genérica? Vamos especificá-la um pouco mais.

O advogado, primeiramente, tem que saber que é um empreendedor. E, portanto, terá que passar por algumas etapas do processo de abrir uma empresa. As 3 principais fases desse início são:

  • Identifique oportunidades;
  • Captar recursos;

 

A partir daí, trabalhe no plano de negócios. Comece definindo a estrutura do escritório de advocacia. Faça algumas perguntas, como qual a missão do escritório? Trabalhista? Penal? Cível?

Veja nossa próxima dica para saber como responder a essas questões.

2 – Defina seu nicho de mercado

O mundo do Direito é amplo para você ser especialista em todas as áreas. Tenha em mente em qual área do Direito você deseja atuar. Saber em qual segmento você se encaixa melhor é fundamental para ganhar mais destaque e garantir altos ganhos financeiros.

Dentro dessa categoria, você ainda precisará definir seu público-alvo. Saiba quais as necessidades que o segmento que você tem: onde estão essas pessoas, qual sua classe econômica e social.

Quem não se especializa acaba tendo menos destaque do que quem atua sempre na mesma área. Nichos como Direito do trabalho ou Direito Administrativo podem garantir altos faturamentos.

Além disso, esteja atento a novos mercados. O Direito é teoria dinâmica e está sempre se abrindo a novas áreas como o Direito Digital.

3 – Invista em tecnologia

Os softwares jurídicos chegaram para ficar nos escritórios de advocacia. Eles são aliados em questões importantes, como produtividade, organização e gestão.

Para otimizar a rotina dos escritórios, as ferramentas tecnológicas reduzem os processos repetitivos, auxiliam na tomada de decisões e melhoram a experiência do advogado com o seu cliente.

4 – Tenha coragem

Como qualquer carreira que esteja em seu início, a de advogado também têm obstáculos. Alguns como insegurança e medo estão ligados a esse começo turbulento e repleto de novidades. Não se assuste. Esses sentimentos são extremamente normais nesse começo.

Tenha em mente que, se você passou, pelo menos, 5 anos na faculdade, aprendendo e conhecendo o Direito, sua capacidade é amplamente conhecida: o conhecimento jurídico você tem!

Se o medo bater, aconselhamos que você:

  1. Se entenda como um profissional;
  2. Pense em como estará daqui a 5 anos como um advogado de sucesso;
  3. Se promova. As pessoas precisam conhecer o seu perfil profissional.

Agora que discorremos algumas dicas de como iniciar sua trajetória no ambiente jurídico e montar seu primeiro escritório de advocacia, poderemos dar outras sugestões para você. Entre em contato conosco, conheça a ForeLegal e saiba como podemos lhe ajudar nesse início de carreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *